Artrose dá direito à isenção?

Olá!

Tudo bem com vocês?

A artrose, também chamada de osteoartrite, é uma doença que ataca as articulações promovendo, principalmente, o desgaste da cartilagem que recobre as extremidades dos ossos, mas que também danifica outros componentes articulares como os ligamentos, a membrana sinovial e o líquido sinovial. A cartilagem articular tem por função promover o deslizamento, sem atrito, entre duas extremidade ósseas durante o movimento de uma articulação. Seu comprometimento pode gerar dor , inchaço e limitação funcional. Apesar de poder danificar qualquer junta do corpo, a artrose afeta mais comumente as articulações das mãos, da coluna, joelhos e quadris.

A artrose piora progressivamente com o tempo, e não existe cura. Mas os tratamentos podem retardar a progressão da doença, aliviar a dor e melhorar a função articular. Atividades físicas de fortalecimento muscular, perda de peso, fisioterapia, hidroterapia e acupuntura também ajudam muito.

artrose

Causas

A artrose pode ser primária ou secundária.

 A artrose primária ocorre principalmente devido ao uso excessivo de uma articulação, mas também pelo envelhecimento natural do indivíduo. O uso repetitivo das articulações ao longo dos anos causa danos à cartilagem, que leva a dor nas articulações e inchaço. Com o passar dos anos, o fluído que existe entre as articulações (líquido sinovial) se degenera, bem como a cartilagem que recobre esse líquido, chamada de membrana sinovial. O uso repetitivo das articulações ao longo dos anos causa danos à cartilagem, que leva a dor nas articulações e inchaço. Em casos avançados, há uma perda total da cartilagem que envolve as extremidades ósseas nas articulações. Isso provoca o atrito direto entre os ossos, causando dor e limitação da mobilidade articular.

Já a artrose secundária é uma consequência de doenças ou condições que a pessoa tenha. Problemas que podem levar a artrose secundária incluem obesidade, trauma repetido ou cirurgia das estruturas articulares, articulações anormais no nascimento (anomalias congênitas), gota, artrite reumatoide, diabetes e outros distúrbios hormonais.

Fatores de risco

Fatores que aumentam o risco de osteoartrite incluem:

  • Idade avançada: o risco de artrose aumenta com a idade
  • Sexo: mulheres são mais propensas a desenvolver artrose, embora não seja claro o porquê
  • Deformidades ósseas: algumas pessoas nascem com articulações malformadas ou cartilagem defeituosa, o que pode aumentar o risco de osteoartrite
  • Lesões nas articulações: ferimentos que acontecem na prática de esportes ou em acidentes, por exemplo, podem aumentar o risco de artrose
  • Obesidade: carregar mais peso corporal coloca pressão adicional sobre as articulações que suportam o peso, como joelhos
  • Certas profissões: se o seu trabalho inclui tarefas que envolvem esforço repetitivo em um conjunto particular, essa articulação pode, eventualmente, desenvolver artrose. Alguns exemplos são pedreiros ou atletas
  • Outras doenças: diabetes, hipotireoidismo, gota ou doença de Paget do osso podem aumentar o seu risco de desenvolver artrose

Sintomas de Artrose

A artrose é uma doença das articulações.

  • O sintoma mais comum da artrose é a dor nas articulações afetadas. A dor articular geralmente piora no final do dia
  • Inchaço, calor, rangidos e limitação dos movimentos nas articulações afetadas também são sintomas comuns
  • Rigidez articular também pode ocorrer após longos períodos de inatividade, por exemplo, quando o indivíduo permanece sentado em uma cadeira.

Prevenção

A artrose primária não pode ser prevenida, uma vez que é reflexo da degeneração articular que acontece com o tempo. Já no caso da artrose secundária, medidas como controle adequados das doenças e perda de peso podem ajudar na prevenção.

Sendo assim, artrose dá direito à isenção!

Você sabia que pessoas com deficiência podem comprar veículos com até 30% de desconto? Saiba mais aqui.

Fonte: Minha Vida / Hospital Sírio Libanês